Os efeitos da prática de Tai Chi em nosso corpo e alguns estudos científicos

Visualização dos efeitos do Tai chi em alguns sistemas do nosso corpo: sistema musculatório, sistema circulatório, sistema neurológico e fluidos do corpo

Dr. Roger Jahnke, OMD, dedicou sua vida profissional a compartilhar as antigas e poderosas tradições de cura da China. Ele é o diretor e instrutor-chefe do Instituto de Qigong Integral e Tai Chi , Santa Barbara, Califórnia; E co-fundador e recente presidente do conselho da Associação Nacional de Qigong . Dr. Jahnke apresentou em grandes conferências sobre os avanços na Medicina Complementar e Alternativa (CAM) em todo os Estados Unidos e neste vídeo podemos observar a interação sobre o corpo denso e o chi. Esse vídeo ressalta como que o chi que permeia tudo,  interage com os ossos do corpo, sistema musculatório, sistema circulatório, sistema neurológico,  fluidos do corpo. Segundo o Dr.Jahnke nós vamos aumentar a capacidade desses sistemas com a prática do Tai Chi, e que envolve também a respiração, movimento, meditação, atenção plena e o relaxamento trazendo bem-estar e saúde.

Estudos recentes publicados no Pub Med* relatam os efeitos do Tai chi em:

a) doenças cardíacas crônicas http://https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28234634

b) circunferência da cintura e pressão arterial em idosos: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28210067

c) Melhora deficiência cognitiva de idosos https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28169310

d) Melhoria em doenças renais: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28137531

*PubMed é um motor de busca de livre acesso à base de dados MEDLINE de citações e resumos de artigos de investigação em biomedicina. Oferecido pela Biblioteca Nacional de Medicina dos Estados Unidos como parte de Entrez.[1] MEDLINE tem ao redor de 4.800 revistas publicadas aos Estados Unidos e em mais de 70 países de todo o mundo desde 1966 até a atualidade.